Pesquisar este blog

domingo, 17 de novembro de 2013

O Príncipe eo Sapo


O príncipe ou o sapo?
Sei que muitos contos de fada, servem para nos ensinar algo de bom, de maneira sub-liminar...Como por exemplo a estória do sapo que virou princípe.
Eis aí algo que não foi bem legal com a mulherada, e a pior propagandaenganosa, que alguém poderia fazer.
Muitas vezes nos pegamos acreditando nesta história, e acabamos aceitando o tal do "sapo", na esperança que ele de uma ora para outra, vire um lindo princípe de contos de fada.
O que não nos avisaram, foi que muitas, mas muitas vezes, íriamos realmente, nos deparar com o sapo mesmo.
Que o princípe na questão passava longe de uma moça que se contentava com tão pouco.
Apesar de que na minha opinião, tem muita moçoila atrás de um lindo sapo, e nem estes estão a fim de se relacionar, mas ai já é outra estória.
O que acontece, é que na esperança de conseguirmos transformar o danado do sapo, acabamos enfrentando relacionamentos furados, e terríveis decepções.
Nos frustramos e acabamos com muita baixa estíma, somente para provar que sapo é sapo e príncipe é príncipe. E se possivelmente você até consiga transformar algum desavisado por aí, tenha certeza que acabará pagando o preço, vamos dizer da liquidação, e a fatura pode ser alta demais.
Imagine que o gostosão do "novo príncipe", acredite realmente que sempre foi um príncipe?
Que nunca chegou perto de uma lagoa, ou seja que nunca foi um sapo...E quando olhe para você a salvadora da pátria se faça a seguinte pergunta?
O que eu estou fazendo com esta baranga?
Sim, afinal de contas, ensinou o bonitinho a se gostar a se ver de uma maneira melhor, o transformou no príncipe não é mesmo?
E como vai ser?
Quer ser a "Fiona" ou a "Cinderela" ?
Qual o seu papel nesta história...Uma pergunta que deve fazer antes de pensar em querer transformar alguém, ou até mesmo no fato de não se contentar com o que tem.
Contos de fada, são contos de fada...mas a vida real, é bem diferente.
Magaly Delgado

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Felicidade- A Procura do Graal



Tenho prioridades na minha vida, onde não abro mão...Ser feliz é uma delas, mas quem não quer ser feliz não é mesmo?
Aprendi nas minhas andanças que quanto mais corremos atrás da tal "felicidade", mais ela corre de você.
Ficamos tão "pré-ocupados", em ser felizes, em conquistar coisas que nos deixam felizes, que esquecemos que o "Estar Feliz" vem de uma emoção, uma onda de energia, que o tempo nãoconsegue quantificar sua intensidade.
Estar feliz pode durar um segundo, como toda a eternidade...O que torna tudo difícil de se conquistar, é que geralmente equiparamos nosso estado feliz, com coisas ou situações que queremos obter. Assimilamos o estado feliz com a compra de um carro, com a viagem, ou com tantos outros bens de consumo, que nos esquecemos que da mesma forma que vem, a felicidade se vai.
Buscar a felicidade exterior, é muito diferente, de alcançar um estado pleno de felicidade interior...
A realização interior, o despertar para outras realidades, o se auto-conhecer, tudo gera um estado pró-ativo, que nos auxília na conquista do "SER FELIZ".
Felicidade não se compra, não se vende...Se sente, e sentir-se feliz é o mais próximo do nosso estado natural, como essência na Unicidade com o Todo.
Um estado de plenitude...onde nossa alma, também se encontrará feliz.
Busquemos sim a Felicidade, mas não como a um Graal...mas sim como a plenitude dentro de nós.

Magaly Delgado

terça-feira, 29 de outubro de 2013

O Rábino e a vaca


Li uma vez a estória de um rabino que foi num vilarejo com seu assistente e lá encontrou somente pobreza, miséria. A única coisa que o povoado tinha era uma vaca.
O dono da vaca, ao avistar o rabino, perguntou o que ele e a familia, poderiam fazer para melhorar a sub existência deles.
O rabino consternado pelo que viu, foi caminhando com seu assistente, segurando a corda que prendia a vaca, foi pensando num modo de ajudar aquelas pessoas.
De repente ao chegarem na beira de um penhasco, jogou a vaca lá para baixo. Num grito o assistente, xingando o rabino, que havia acabado de atirar a vaca, achou que o rabino tinha ficado louco. Imagine acabar de matar a unica forma de sustento daquela familia?
Ficando pocesso, saiu andando do lado contrário do velho rabino, como poderia ter como mestre um louco?
Passando muitos anos, o jovem assistente já no cargo de rabino, foi visitar uma próspera aldeia, e lá chegando reconheceu a pobre aldeia onde anos atrás ocorrera o episódio da vaca.
Ainda consternado, lembrando da loucura de seu antigo mestre, foi procurar, o proprietário da vaca.
Lá chegando, em vez do casebre miserável, encontrou uma casa próspera com empregados e fartura.
Ao bater na porta, perguntou pelo dono da residência, e este o recebendo, logo reconheceu no rábino, o jovem assistente do homem que havia atirado sua vaca, do precipicio.
Com uma exclamação de surpresa, o dono da casa, abraçando o rabino, foi logo perguntando do velho mestre.
O rábino sem saber como agir, diante de tão efusiva manifestação de alegria, foi logo querendo se desculpar, pela sandice do seu velho mestre.
Mas qual não foi sua surpresa, quando o dono da casa, começou a agradecer, e contar sua estória...
Disse que depois que o mestre, tinha jogado a vaca da familia no precípicio, e sem a venda de queijos, leite, que era a unica forma deles sobreviverem, a familia resolveu ir em busca de novas oportunidades. Saíram da zona de conforto, e foram em busca de novas conquistas. Cada um foi atrás de seus interesses, e conseguiram conquistar a prosperidade, ficando eternamente gratos, pela sabedoria do velho rábino, de ter jogado a vaca no abismo.
Então como vimos na estórinha do rábino, porque esperar que a "nossa vaca vá pro brejo", para tomar atitudes em relação a nossa vida?
Porque o medo de sair da zona de conforto, e tentar novas oportunidades, que a vida nos apresenta?

Espero que tenham gostado da história do velho rábino, e pensem o que estão fazendo das suas vidas?
Um beijo no coração de todos.
Magaly Delgado

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Onde esta minha asa?




Onde esta minha asa?


Que asas são estas que pensamos carregar? Anjos travestidos de homens?
Sinto lhe informar...estamos longe da perfeição.
Longe do confronto com nosso próprio Ego. Mas a vida nos impõe muitas batalhas, lutas com nossas próprias sombras, com nossos próprios medos.
E é neste encontro...que sairemos vencedores ou não desta batalha chamada Vida.
Como buscadores de si mesmos, temos que enxergar que tudo que passamos são consequências de nossas escolhas.
Múltiplas escolhas e grandes consequências...
Dizem que a vida é para os fortes...
E eu digo que a vida é para todos que se propuseram a encarnar e viver esta experiência material.
Seremos anjos um dia...como talvez tenhamos sido, quem sabe?
Mas até lá...teremos que aprender a ser gente, a ser humanos...no sentido real da palavra.
E quando começarmos a ter nossos enfrentamentos perante a vida, estaremos aptos para entender que nossa vida espiritual, é o unica razão de tantos testes, de tantos confrontos com nosso próprio Ego.
Somos espíritos aprendendo a ser espíritos.
Esta é a verdade.
A experiência material, chamada vida...é o mais próximo que estamos, do estágio onde estacionamos nosso Ego, nossas verdades.
E  esta batalha, é a grande BATALHA a ser enfrentada por nós, seres viventes deste Planeta Terra.
É o que se é esperado por nós...somente.
Aprendermos a nos confrontar com nossas sombras, nossos medos, nossas fragilidades emocionais.
Se nada for feito...Nunca reconquistaremos o direito a ter asas, a sermos inteiros como Alma, Matéria e Espírito.
Magaly Delgado

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

SOU




Sou pedaços das minhas lembranças, de tudo que vivi. Memória viva de um ser que se desconstrói a cada dia, para poder encontrar em si mesma, a parte divina da sua alma com a Unidade.
Magamagaly

Rasguei minhas roupas na saída...




Rasguei minhas roupas na saída...
Nada mais queria levar. 

Nem a dor da perda, esta...já não era minha.
Sinto que no final a dor deve ser maior para quem fica.
No meio das lembranças, dos objetos, dos moveis, de tudo que lembrava que aquilo tinha sido um lar...
Rasguei minhas roupas, como rasguei-me em mil pedaços até conseguir me livrar da dor, do drama.
Me abandonei para que a coragem fizesse-me crer que era possível...e foi, consegui.
Deixei pra trás os restos de uma vida, que de tão sofrida, nunca vai deixar saudades...
Consegui, me desnudei...e parti.
Magamagaly

Pensamentos



Carreguei no ventre a vontade de ser mãe, e na cabeça a inteligência de aceitar como "Filhos", todos aqueles que viessem buscar em mim um apoio, uma palavra...um gesto de amor.
Magamagaly

quinta-feira, 14 de março de 2013

Aparências





Eu me encontro aqui todos os dias...
Mas você não me conhece.
Não me reconhece...
Não vê em mim, as verdades de quem quer te mostrar
que existe.
Nem sei se é importante...
Pra mim a vida continua, dia a dia
e quando vejo que ela passa...Passa com ela o que eu sou, a forma como a vida me deixou.
E me bate uma tristeza tão funda, por quem eu nunca vou ser...
Pra você.
Que nunca vai me conhecer...
Tudo são aparências...mentiras que usamos, pra nos proteger da vida.
E eu queria me despojar, me desnudar, ficar nua em pelo...
Pra que soubesse que esta sou eu...
A mulher que te amou...
Mas que você nunca conheceu.

Magamagaly

domingo, 10 de março de 2013

Saudades




Tenho saudades de você, de cada coisa que falamos...É engraçado, tenho a sensação de te ouvir, aqui bem próxima.
Tudo ficou sem sentido...você era meu Norte, meu Sul, meu Leste e Oeste...minha referência, meu ar, meu tudo.
Sofro...não por você ter partido.
Sofro por não poder ter ido junto...esta é a verdade.
A saudade é a falta do que era nosso, e do que nunca mais vamos ter...Tá difícil pra mim...muito difícil.
Mas tento sobreviver a esta dor, me apegando a tua presença...e aqui em casa, esta cheia delas.
Parece mórbido...mas não é, não pra mim.
O tempo vai ajudar, todos dizem...Pra mim a tua falta ta me tirando o ar...e eu me sufoco no choro contido, nas lágrimas que eu não quero derramar...
Sei que vamos nos encontrar...é com isto que eu conto, é com isto que eu acredito, pra sobreviver, pra continuar a viver e aguardar a hora de te ver de novo.
Continuo te amando...SEMPRE

Magaly Delgado

segunda-feira, 4 de março de 2013

Texto Fauzi Arap




Eu vou te contar que você não me conhece,
E eu tenho que gritar isso porque você está surdo e não
Me ouve.
A sedução me escraviza a você
Ao fim de tudo você permanece comigo mas preso ao que
Eu criei
E não a mim.

E quanto mais falo sobre a verdade inteira um abismo

Maior nos separa.
Você não tem um nome, eu tenho.
Você é um rosto na multidão e eu sou o centro das
Atenções.

Mas a mentira da aparencia do que eu sou,
E a mentira da aparencia do que você é.
Porque eu,
Eu não sou o meu nome,
E você não é ninguém.

O jogo perigoso que eu pratico aqui,
Ele busca chegar ao limite possível de aproximação,
Através da aceitação da distância e do reconhecimento
Dela.

Entre eu e você existe
A noticia que nos separa
Eu quero que você me veja nu
Eu me dispo da noticia
E a minha nudez parada
Te denuncia e te espelha
Eu me delato
Tu me relatas
Eu nos acuso e confesso por nós
Assim me livro das palavras
Com as quais
Você me veste

Texto de Fauzi Arap

Frase

Deixe que a vida lhe mostre o quanto é importante as suas passadas pelo Caminho...Muitos poderão percorrer o mesmo trajeto, mas so
mente você colherá as rosas que foram plantadas
para lhe fazer feliz...

Magamagaly

FELICIDADE




Felicidade...
A Felicidade se esconde atrás da pressa, do mau humor, da raiva, da mágoa, da inveja, do rancor...
Ela se disfarça de tristeza, e sempre acaba em lágrimas.
A Felicidade se traduz naquilo que você pensa, no modo que você esta. Felicidade...são pequenos gestos, grandes acontecimentos.
Felicidade é utopia, mesclada de lindos sorrisos...
Felicidade são conquistas...milagres de uma vida.
Felicidade é um amor partilhado, um coração conquistado, um nascer...um Chegar.
Felicidade É...
Felicidade não se define, se sente...
Felicidade é Felicidade
Nem mais nem menos...
Felicidade...nem sempre é saber, mas sim querer.
Felicidade é um sorriso em ação, é poder, realização...
Felicidade sou Eu...
É você...
Felicidade...um instante mágico, um presente...
Do Criador, pra criação...
Felicidade...
Se não tem...vai ter, FELICIDADE...
Magaly Delgado

Cara do Povo



Eu não preciso dizer da onde eu sou...
Nem cantar o lugar em versos e prosa.
Trago no rosto, na cara do povo, a verdade do lugar... 
Da onde nasci, muitos também vieram.
Não sou branco, nem preto, nem mulato
a mistura daqui, tá no sangue...não é a cor que nos faz ser, quem somos...
É o amor pela terra, pela vida, que nos torna verdadeiros heróis,
sobreviventes sem ordem e sem progresso.
Trazemos a força dos que aqui estavam, a mistura dos que aqui estiveram.
Este é meu lugar está é a minha terra.

Magamagaly

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Qual o direito de quem ama?




Qual é o direito de quem ama?
Uma pergunta que muitos se fazem, sem perguntar também quais são os deveres...
O amor por ser uma troca, não aprisiona quem não quer ser aprisionado.
Não restringe a caminhada de quem não quer ser restringido.
Ele somente por si se transforma, e passa a ter seu tempo certo de viver a plenitude.
Tudo na vida é cíclico, tudo na vida é ritmo, tudo na vida é mutável...E por que o amor não seria?
Ou aprendemos a viver estes ciclos, ou sofreremos querendo que eles se prolonguem além do tempo deles.
E aí é que sofremos.
Sofremos por achar que conosco tudo será diferente, inclusive as leis Universais...Quanta pretensão.
O amor pode ser eterno, desde que as duas partes respeitem a evolução, ou transformação destas energias que transcendem o amor.

Magaly Delgado

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Você quer ser a mocinha do "50 Tons de Cinza"? Quer? Então leia...


A dificuldade em aceitar a realidade, é que nos faz procurar contos de fada, príncipes encantados e acordar no dia seguinte com o bofe com cara de sapo...
Relacionamentos tem que ser vividos, e não sonhados.
Quem não quer ser a eterna princesinha, a espera do príncipe que a irá salvar da bruxa malvada?
Todas nós é claro, mas ultimamente a bruxa malvada, ta ganhando o round, esta briga anda feia. Os príncipes que eu conheço, andam cansados das donzelas e resolveram procurar princesas, que compartilhem da vida, do trabalho e das despesas.
Os sonhos estão mudando...estamos até idolatrando tipos como "Cristian Grey" personagem do livro cinquenta tons de cinza, o eterno príncipe milionário, a troco de umas palmadinhas no bumbum, e achando tudo maravilhoso...
A vida é uma troca, relacionamentos também, querer torna-los lúdicos, quando na verdade não são, é querer se machucar com certeza.
Homens e mulheres estão fugindo de comprometimentos, por não saberem como lidar com o anseio e a expectativa do outro.
Mulheres se tornaram independentes, mas sonham ainda com a dependência que suas mães viveram, principalmente a econômica.
Homens querem mulheres como foram suas mães, e encontram uma competição ferrenha, para ver quem é melhor do que quem.
E vejo ainda as mamães tratarem seus menininhos, para serem servidos, mimados, como se a vida ainda fossem trata-los da mesma forma.
E quando casam, ficam se perguntando onde foi parar a princesa encantada, quando se deparam com a bruxa malvada, mandando eles irem lavar a louça.
Ou somos nós que conquistamos os espaços vagos, aqueles que a vida inteira foi negado, por sermos mulheres, ou é os homens que estão perdidos, e não sabem ainda como lidar com estas conquistas femininas.
Sei que tá difícil...pra eles e também pra nós...
Por que idolatrar um homem com todos os problemas psicológicos do "SR GREY" e ainda achar o máximo levar umas porradinhas, acho o ÓÓÓ.
Alguma coisa muito ruim esta acontecendo meninas, e temos que abrir bem os olhos...a realidade esta aí, fugir dela é o começo de um grande drama.
Bom falei, espero poder ter me feito entender.
Agora vou correr e acabar de ler o "50 tons de cinza", pra ver aonde tudo isto vai parar...

Magaly Delgado

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Frase



Não subestime minha inteligencia, posso até ter a carinha de boba, mas...sou um quebra cabeça de mil peças, só consegue algo comigo, quem tem cérebro.
Barriguinha de tanquinho, e carinha bonita, só serve como aperitivo...

Magamagaly

Vagando a Esmo...



Percorri distancias que nunca imaginei...vaguei a esmo a procura do teu olhar, de um sorriso, de um perfume parecido, e a única coisa que consegui, foi me aprofundar cada vez mais, numa saudade sem fim.
Só esqueci de procurar lá bem dentro de mim...onde havia os sinais, as lembranças. E foi lá somente que te encontrei...no vazio na morbidez de um amor não correspondido. Lá estava a dor, lá estava você...com toda carga emocional de um amor desfeito...
Olhando em volta, nas tralhas das minhas lembranças...percebi o quanto fui feliz, e o quanto fui tola em não perceber.
Magamagaly

EU em VOCÊ







Tuas mãos queimam o meu corpo, e como numa febre, deliro à procura de algo que mate esta sede, que eu tenho de você...
Olho para os lados e só enxergo o teu corpo se movimentando sobre o meu...que tortura é esta que me invade e persegue, que encanto é este que me faz te querer a todo instante...
Nesta invasão de desejos...só resta à nós a loucura de se ter...
Um, dois três dias quem sabe?
Que a intensidade seja o suficiente, para que o tempo não nos roube as lembranças...
Enquanto houver desejo...haverá eu em você.

Magamagaly

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Espaços Vazios



Gostaria de sair de dentro de cada palavra que escrevo, e alcançar o mais intimo desejo...e te mostrar que não são só palavras, que me fazem ser quem sou.
Sou muito mais do que esta profusão de cores e letras...sou alguém que ama e merece ser amada...pelo que sinto, e pelo que quer...
Pena que somente você, não consegue me enxergar, nas entrelinhas, e nos espaços vazios do que não digo...

Magamagaly

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Frase





A paixão dura o tempo suficiente para satisfazer o Ego.
O amor dura o tempo suficiente, para satisfazer a Alma.
Magamagaly

domingo, 17 de fevereiro de 2013

Vai...



Vai...desiste de mim enquanto é tempo.
Não quero um amor por um momento...
Porque eu sei, que tudo isto só vai me fazer sofrer.
Vai...parte de uma vez, e vai embora.
Leva com você, estes sonhos 
que por mais bonitos, vão um dia me fazer sofrer.
Não estou preparada pra ser feliz...por que tudo um dia acaba...
E eu não vou aguentar, perder mais uma vez.
Vai...e leva este amor com você, parte e nem olha pra traz,
Me deixa ficar na ilusão que só eu me basta.

Magamagaly

Não me deixe...




Não me deixe sem saber quem sou...venha e tente me conhecer.
Comece por cada parte do meu corpo, veja o pulsar do meu peito,
e sinta o quanto meu coração, teima em te querer.
Liberte-se dos seus receios, e se entregue a mim...cada pensamento, cada desejo, me leva a perseguir o sonho de te ter.
E eu vou conseguir...basta você deixar.
Me conheça...meu corpo tem muito pra te contar, e minha alma, esta, tem segredos ocultos que somente a tua alma ira conhecer.
Não fuja do que é nosso, ou vivemos o que temos que viver...ou seremos duas pessoas vazias a buscar o que só o outro, pode completar.

Magamagaly

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Revolução da Alma, Aristóteles






Revolução da Alma, Aristóteles

Aristóteles, filósofo grego, escreveu este texto Revolução da Alma" no ano 360 A.C. .

Ninguém é dono da sua felicidade, por isso não entregue a sua alegria, a sua paz, a sua vida nas mãos de ninguém, absolutamente ninguém.

Somos livres, não pertencemos a ninguém e não podemos querer ser donos dos desejos, da vontade ou dos sonhos de quem quer que seja.

A razão de ser da sua vida é você mesmo.

A sua paz interior deve ser a sua meta de vida; quando sentir um vazio na alma, quando acreditar que ainda falta algo, mesmo tendo tudo, remeta o seu pensamento para os seus desejos mais íntimos e busque a divindade que existe dentro de si.

Pare de procurar a sua felicidade cada dia mais longe.

Não tenha objetivos longe demais das suas mãos, abrace aqueles que estão ao seu alcance hoje.Se está desesperado devido a problemas financeiros, amorosos ou de relacionamentos familiares, busque no seu interior a resposta para se acalmar, você é reflexo do que pensa diariamente.

Pare de pensar mal de si mesmo, e seja o seu próprio melhor amigo, sempre.

Sorrir significa aprovar, aceitar, felicitar.Então abra um sorriso de aprovação para o mundo, que tem o melhor para lhe oferecer.

Com um sorriso, as pessoas terão melhor impressão sua, e você estará afirmando para si mesmo, que está "pronto"para ser feliz.

Trabalhe, trabalhe muito a seu favor. Pare de esperar que a felicidade chegue sem trabalho.

Pare de exigir das pessoas aquilo que nem você conquistou ainda.

Agradeça tudo aquilo que está na sua vida, neste momento, incluindo nessa gratidão, a dor.

A nossa compreensão do universo ainda é muito pequena, para julgarmos o que quer que seja na nossa vida.

"A grandeza não consiste em receber honras, mas em merecê-las."

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

É mesmo Amor?






Amar não é difícil, o difícil é lidar com o sentimento de desamor...
Quando não somos correspondidos, o Ego alimenta nossa fogueira das vaidades...Como não me ama?
Aí é que grande parte das pessoas se defrontam, com o tão conhecido, sentimento de rejeição, que provoca na maioria a dor do amor não correspondido.
Temos que entender, que o amor, é um sentimento de sublimação, uma energia poderosa, que chega a alterar, nossa própria vibração energética.
Então cuidado...Sua infelicidade, pode estar sendo patrocinada, pelo seu EGO, pelo sentimento de rejeição.
Quando realmente amamos, por mais difícil que seja, queremos ver o outro bem, para que o Universo siga seu curso.
Magamagaly

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Implorando Amor





Você mais que ninguém pode entender o que faz uma mulher por um homem. Já fui capaz de muitas coisas por você, mas a pior de todas, foi ter implorado pra você ficar...Caramba, fica quem quiser...
Apesar da dor, da perca, implorar pra alguém ficar do teu lado, te amar, além de humilhante é um ato de desamor total, para com a gente mesmo.
Hoje depois de alguns tombos, fica comigo quem merece. Estarcomigo, é um privilégio que eu darei, pois darei o melhor de mim, e pedirei em troca nada mais do que o mesmo.
Implorar para alguém nos querer, é o mesmo que achar que não é o suficiente pra ninguém.
Alguém ficar conosco por dó ou pena, é mostrar ao mundo que Deus desperdiçou talento, quando te criou...
É sentir que não tem capacidade de ser amada pelo que se é, feia, bonita, alta, magra, gorda e baixinha, nada disto importa.
Alguma beleza você deve ter...para os olhos de ALGUÉM.
Mas quando a imperfeição, esta na nossa baixa estima, na falta de amor próprio, aí realmente...vamos ter que mendigar amor.
Mendigar atenção, suprir nossas carências e nossa falta de afeto... realmente vai nos levar a implorar uma vez ou mais na vida.
Não é errado se humilhar por amor, o errado é usar o amor, para suprir necessidades, que a tua carência afetiva criou.
O ato de se humilhar, já nos mostra que já não existe nesta relação, sentimentos que consolidam o amor, a relação.
Nesta relação vai sofrer você, quem estiver contigo, visto que com sua carência, vai se tornar um grande peso emocional, para o seu parceiro.
Ame-se.
Mostre que Deus, acertou quando fez a tua "massa", que você tem um bom "borogodó", e que é capaz de amar e ser amada.
Enfrente seus medos, e olhe-se com muita verdade. Seja acolhedora para com você mesma, por que o mundo, minha amiga...vai ser o primeiro que ira te cobrar a forma como você mesma se trata.

Magaly Delgado

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Meu anoitecer...









Meu anoitecer é triste sem você,
Minhas lembranças vão te encontrar
no lugar mais profundo do meu ser.
E a saudade do teu corpo, no meu, 
do desejo partilhado, da entrega
sem reservas, eu preciso deste amor...
Você é tudo...
E ninguém será capaz de ocupar meu coração.
Você pode estar neste momento na cama com outro alguém,
satisfazendo teu desejo, teu ego.
Mas eu sei que é a mim, que tua alma quer.
Eu sei que a tua e a minha vida, nunca mais será a mesma.
Mas ainda te quero e desejo...paixão, loucura, um fascínio
que me enlouquece.
Mas vou te caçar, e te roubar pra mim.
Será como antes, até melhor...
Eu e você, na magia deste amor.
Vou te roubar pra mim,
Me espera...eu sei que teu corpo me quer e tua alma me chama.
Magamagaly

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

DESVENDA-ME







Desvenda-me

De me um motivo para ficar...não somente com este teu corpo lindo, esta tua boca carnuda, que me devora com teus beijos.
Um motivo maior.
Cativa minha alma...já que com o teu corpo, já me fez render aos teus caprichos.
Cativa minha alma, minha mente e meu espírito.
Não sou somente um corpo, renegado ao teu.
Minha alma clama a doçura e leveza de quem ama,
Meu espírito, sente a falta do companheirismo do passado.
E minha mente, deseja ser provocada, com a sagacidade de quem
deseja muito mais do que se tem.
Mas tu, só vê meu corpo, este que vai envelhecer, sem a tez da mocidade, este que vai se deixar marcar pela passagem do tempo com cicatrizes, que nem a alma tem.
Veja a mim, por inteira.
Não me limite a ser só parte do todo que sou.
Ame...me ame, mas me conheça.
Nada perderá.
Se conseguir escapar do que sou.
Porque te garanto que sou capaz de te desvendar a alma, ler entre as entrelinhas o que você pensa, só com o olhar.
Pois quem realmente ama, conhece o que se tem.
Me entrego inteira, venha me desvende, e prometo que nunca se arrependerá.
Magamagaly

Texto- Caio Fernando Abreu










"Mas se eu tivesse ficado, teria sido diferente? Melhor interromper o processo em meio: quando se conhece o fim, quando se sabe que doerá muito mais -por que ir em frente? Não há sentido: melhor escapar deixando uma lembrança qualquer, lenço esquecido numa gaveta, camisa jogada na cadeira, uma fotografia –qualquer coisa que depois de muito tempo a gente possa olhar e sorrir, mesmo sem saber por quê. Melhor do que não sobrar nada, e que esse nada seja áspero como um tempo perdido.Eu prefiro viver a ilusão do quase, quando estou "quase" certa que desistindo naquele momento vou levar comigo uma coisa bonita. Quando eu "quase" tenho certeza que insistir naquilo vai me fazer sofrer, que insistir em algo ou alguém pode não terminar da melhor maneira, que pode não ser do jeito que eu queria que fosse, eu jogo tudo pro alto, sem arrependimentos futuros! Eu prefiro viver com a incerteza de poder ter dado certo, que com a certeza de ter acabado em dor. Talvez loucura, medo, eu diria covardia, loucura quem sabe!” 
(Caio Fernando Abreu)o que e ebay

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Deixa eu passar com a minha tristeza






Deixa eu passar com a minha tristeza,
não espere de mim, o que eu nem tenho mais para dar.
Não lamente pelo estrago que causou.
Fui eu que mudou...
Deixei de ser o que eu fui, para ser aquilo em que a dor me transformou.
Quantas mulheres, ou mesmo os homens não passam por isto, a dor modifica, transforma a ilusão em realidade crua, nua de sonhos e fantasias.
Hoje sou um produto, fabricado por homens que nem você...Que mentem, ferem, enganam e iludem.
Mas não se vanglorie, você infelizmente não é o único...Te agradeço
até.
Me tornou uma mulher experiente...tenho pena somente, do próximo que virá depois de você...
Magamagaly

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Sofrer?...Encare.




Tive duas grandes perdas, na minha vida...confesso que nem sei como sobrevivi.
Às vezes acho que na verdade morri...aquela que eu era morreu.
A capacidade de superação, depende de cada pessoa, mas se não superar de um jeito, a vida lhe impõe outras, até que você se transforme em algo mais forte e resistente, até que comece a ficar calejado pelas dores do mundo.
E quando a gente pensa que já esta pronto, vem mais uma e derradeira, que lhe rouba a vontade de continuar...
Procuramos de toda forma, achar artifícios que nos tire da dor, fingimos, esquecemos, transferimos, boicotamos, fugimos...uma série de situações, que nos colocamos para tentar não enfrentar, o bicho papão de frente.
Mas de nada serve, acreditem em mim...tentei tudo.
Criam-se outros problemas, outras situações, e a ferida continua lá aberta, exposta, a tudo e a todos.
Aprendi que tenho que me permitir sofrer as minhas perdas, enfrentar os meus processos...não existem fórmulas mágicas, para deixar de sofrer.
Dizem que o tempo cura...pode ser, mas também aumenta a dor da saudade, e a gente se pega implorando à memória, que nunca se esqueça de cada momento vivido com quem amamos.
Com quem dividimos a vida, seja a mãe, o pai, um filho ou companheiro...um amigo talvez.
Sei que nada é permanente, que as coisas mudam, que a minha dor vai diminuir, para se tornar uma doce lembrança...
Mas hoje quero chorar...
Quero ser como um filhote, que necessita ainda da mãe...
Quero deixar de me sentir uma fraude, e encarar meu discurso de vida pós morte...E confiar, acreditar, que nos encontraremos.
Mas no momento, preciso e devo, encarar esta dor, para poder sair vivo dela.
Nada de máscaras hoje meus amigos, nada de falsos sorrisos, nada de palavras de motivação...
Hoje quero ser eu mesma, e chorar a minha dor...
Magaly Delgado