Pesquisar este blog

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

A ARTE DE SER MULHER













A Arte de Ser Mulher.

Ser mulher 
Não é para qualquer um.
Ser mulher consiste numa mistura de ingredientes,
sendo a coragem um deles.
Coragem para enfrentar a vida, o preconceito
e uma série de desvantagens que o "sexo frágil" pela característica da sua constituição física, tem que enfrentar diariamente.
Ser mulher é a arte de tentar lutar contra as intempéries num mundo equivocadamente masculino.
Ser mulher é ter que rir quando se quer chorar
Chorar quando se quer rir.
Enfrentar o mundo cão, com saltos 15cm, batom e escova progressiva.
É lutar pelo direito de equiparação salarial, quando todos sabem que nossos salários são menores que o dos homens, mesmo numa mesma função.
É não perder a pose quando se quebra um salto, ou mesmo uma unha.
Ser mulher é ter que lutar contra o fantasma da celulite, e da TPM.
É enfrentar as cólicas menstruais, e sair da cama para trabalhar, ou cuidar dos filhos.
Ser mulher é ter que estar toda maravilhosa para o "maridão", mesmo tendo um dos piores dias da sua vida.
Precisar abrir mãos da tão esperada "lipo", pois o maridão "precisa" trocar o carro.
Ser mulher é se olhar no espelho e descobrir o primeiro cabelo branco, arranca-lo e fingir que ele nunca existiu.
Olhar as mulheres frutas e saber que um dia elas também terão celulites, como todas as outras mulheres da humanidade.
Ser mulher é chorar em frente do espelho, ou nos ombros das melhores amigas, quando trocadas ou traídas.
É fingir alegria quando o coração está pequeno.
É precisar manter forte a "instituição familiar", mesmo quando o marido brinca de casinha na casa da outra. 
Ser Mulher é Ser Mulher.
Só quem é pode sabe-lo.
Forte e frágil, 
Carente, sonhadora,
Vivida e experiente.
Opostos de um mesmo ser.
Isto é ser mulher.
Ou melhor:
Isto é a ARTE DE SER MULHER.
Texto de Magaly Delgado

Um comentário: